21/02/09

Keith Haring


Como a Fundação Keith Haring se deu ao trabalho de colocar um pop-up muito simpático EXIGINDO que nenhuma imagem dele circulasse sem expressa permissão da Fundação, você não verá nenhuma aqui, mas aqui vc pode ver...
Ainda que a minha imagem preferida seja a da 'capa' da página da fundação.

16/02/09

Chê na cabeça!

O clássico contemporâneo!

Desfile pelas ruas com um boné com o rosto de Ernesto Che Guevara. Faça estes porcos capitalistas sentirem vergonha de sua existência diante da imagem da revolução!


Boné Militar apenas 24,78€ - Nemesis Webstore

A lata de Coca-Cola também é vermelha


Fazem uns 12 anos que eu guardo essa latinha de Coca-Cola...

Já tive dúzias de latinhas de refrigerantes empilhadas num canto, numa coleção. Havia uma latinha da Sprite que era de cabeça para baixo, tinha uma de um suco coreano de um azul bonito,com um formato estranho, e de uma fruta que eu nunca tinha ouvido falar, tinha a última latinha de Soda Limona da Brahma que eu botei meus olhos na vida, e por aí vai, um monte de outras delas que eu já esqueci como eram porque um dia acordei com ataques de vermelhismo e joguei tudo fora, menos uma latinha vermelha que hoje eu uso pra guardar dinheiro.

Não é difícil de encontrar pessoas que possuem um sentimento anti-americano, anti-capitalista, anti-múltiplas coisas. Eu admito que eu sou meio anti-muita-coisa, e eu não estou aqui pra curar o anti-sentimento das pessoas, mas pra falar de como elas só estão felizes porque não reconhecem o alvo da sua aversão.
Há algum tempo a Coca-Cola comprou uma empresa de bebidas paranaense, bebida na qual as pessoas se apoiavam na hora de escolher
entre a Coca-Vermelha e qualquer outra coisa que não fosse ela. Pois bem, muitas dessas pessoas se quer ficaram sabendo disso e hoje em dia quando pedem a bebida dão aquele sorrizinho pra latinha vermelha pensando "Você ainda não ganhou a guerra Coca-Cola!", mas eles estão longe da verdade...

Então a partir de hoje, quando você ver um amigo vermelho comprando um desses produtos, espere ele tomar o primeiro gole e conte como quem não quer nada, de quem é aquele doce veneno:

Anunciados:
Refigerantes: A lot of then...
Chá: Nestea;
Água Mineral: Crystal;
Água tônica: Schweppes;
Energy drink: BURN;
Sucos: Minute Maid;
Cerveja: Kaiser; (Da Femsa que é engarrafadora da Coca-Cola)

Não anunciados:
Chá Mate: Matte Leão; (Comprada)

Não confirmado:
Sucos del Valle; (Encontrei apenas notícias da disputa entre a Coca e Pepsi por ela)

10/02/09

Viva la Evolución!

Algumas pessoas cansaram de querer mudar o que existe com uma revolução que exige muito empenho da raça, e começam a creditar que só a própria natureza pode dar algum jeito nisso através da seleção natural. Para que estes vermelhos possam comemorar o bicentenário do nascimento de Charles Darwin, aqui está uma camiseta vermelha perfeita.

Essa¹ eu dei de presente para um biólogo² que merecia um prêmio, pois para minha surpresa, ele nunca foi hippie e não pegou vegetarianismo uma vez se quer na vida.

A partir de $20 - Busted Tess

¹ - Não era bem dessa loja pq eu não consegui importar.
² - O biólogo era tão diferente que eu peguei ele pra mim. =p


Communist Party

Se você acha que aquela camiseta com a cara do Chê já está muito batida, mas você não abre mão de uma corzinha vermelha para alegrar o seu dia, aqui está uma ótima dica.

Communist Party:

*Não acompanha outros objetos. Nem o copo vermelho.

A partir de
$18 - Threadless Tees

Sfiha revolucionária


"A revolução é uma realidade. Agora, a minha, a sua, a nossa Bib'sfiha custa R$0,49. Viva a revolução!"


Sfiha vermelha, agora por R$ 0,49.

Campanha publicitária do Habibs criada pela Giovanni Draftfcb.

09/02/09

Ernesto dos pés à cabeça!

Ernesto, um argentino que de criança se tornou jovem desportista, e logo depois virou Chê; então virou médico, navegador, enfermeiro, andarilho, marido, pai, vendedor de enciclopédia, rebelde, sindicalista, fotógrafo, recruta, guerrilheiro, revolucionário e por fim virou um cadáver como todo mundo.

Mas em sua vida póstuma virou muito mais:
Virou ícone, foto, figura, gif, quadro, capa de revista, bandeira, selo, calendário, botton, camiseta, meia, boné, isqueiro, cigarro, cinzeiro, boneco, livro, filme, relógio de parede, capa de step, mochila, Patch de $6,00, gravata, chaveiro,
jogo, nome de café, capa de vaso sanitário, lençol, carteira e por fim virou dinheiro, como poucos podem virar. Do dinheiro compreende-se desde a cédula até o capital (opps, Chê, o vermelho, virando capital?)

O cidadão vermelho atual consome tudo o que pode para demonstrar quão anti-capitalista ele é, contanto que pareça que ele não pagou nada (seja barato), pareça alternativo (difícil de encontrar na rua*) ou seja vermelho (até Converse - All Star no pé vale).

Assim, mesmo que seja (ou pareça) pouco, ele paga uma quantia para ter seu ídolo revolucionário estampado na altura da barriga
. E por mais triste que pareça para os revolucionários de raiz, Chê é só um exemplo de como todo o socialismo e o comunismo (se é que a essas alturas alguém realmente se importa com a diferença) é a causa do enriquecimento de uma industria de moda e comportamento. Ou seja, o vermelho virou de tudo, até dinheiro (por mais que nenhum vermelho admita).

E como eu posso analisar fato tão curioso? Bom, neste dia de hoje eu solenemente dou como inaugurada uma das sessões deste blog:
Ernesto dos pés à cabeça!




De R$16,99 por R$15,99! - Posthaus

08/02/09

Alexander Kosolapov



Lenin-Coca-Cola, 1980
Acrylic, canvas. 78x118 inches

Nascido em Moscow em 1943, Kosolapov vive e trabalha em New York desde 1975.
Página do artista:
SOTSART